Alimentação / Suplementação

Suco de beterraba: Um novo método para aumentar a performance

Por Jeferson Santana

Os últimos anos vem trazendo diversas novidades relacionando suplementação à melhora da performance. E uma novidade que diversos pesquisadores dos mais diversos países vem pesquisando é o suco de beterraba.

Mas por que o suco de beterraba?

O suco de beterraba é rico em nitrato, um ânion inorgânico encontrado em algumas verduras e legumes como a beterraba, com uma estimativa de 250mg de nitrato (4mmol) para 100g do alimento{1}. Quando consumimos este vegetal, o nitrato (NO3) presente começa a circular no plasma e após sua absorção a partir do sangue, cerca de 25% volta à saliva, e o restante é excretado pelos rins. O nitrato então volta à saliva, é convertido à nitrito (NO2) devido a bactérias encontradas na língua e é novamente absorvida (antisséptico bucais, como Cepacol e similares diminuem a quantidade destas bactérias), sendo convertida a oxido nítrico (conhecido pela abreviação NO). Este mecanismo tem como nome rota Nitrato-Nitrito-Oxido Nítrico {2} (Figura 1).

nitrato-figura

Figura 1: Rota Nitrato-Nitrito-Oxido Nítrico.

O NO é um radical livre gasoso e um dos responsáveis por gerar aquele “pump” durante o treino , devido ao seu efeito vasodilatador, assim aumentando o fluxo sanguíneo para o músculo, melhorando a captação de nutrientes no músculo esquelético e a contração muscular, impedindo a liberação de cálcio em excesso e, subsequentemente, melhorando o custo de produção de ATP {2,3} (muitos esportistas já buscaram estes efeitos suplementando com arginina). Além disso, o NO exerce outras funções biológicas, atuando no sistema cardiovascular, sistema nervoso e sistema imunológico{4,5}.

Consumir o suco de beterraba para obter uma maior quantidade nitrato parece se mostrar uma nova e eficaz forma de se produzir NO, e por consequência aumentar a performance.

Entretanto, se você não está afim de ingerir o suco de beterraba a opção é o próprio nitrato inorgânico, que têm demonstra eficiência nos resultados supracitados.

Em atletas saudáveis a suplementação de nitrato tem se mostrado segura, sendi que não existe estudos de segurança do consumo de nitrato à longo prazo.

No próximo tópico, iremos abordar o que a literatura traz de informação com relação a melhor maneira de consumir o suco de beterraba (ou o nitrato inorgânico) e qual os tipos de exercícios que ele gera efeito ergogênico.

Sobre o autor: É pesquisador na área de suplementação alimentar (Nitrato, Beta-Alanina, Cafeina, Creatina) para melhora da performance de praticantes de corrida de rua e musculação

Se gostou, não esqueça de CURTIR a nossa página no facebook!

Referências Bibliográficas

1 – TAMME, T. et al. Nitrates and nitrites vegetables and vegetables-based products and their intakes by ESTONIAM population. Food Additives and Contaminants. v.23, n.4, p.355-361, 2004.

2 – CLEMENTS, W.T.; LEE, S.R.; BLOOMER, R.J. Nitrate ingestion: a review of the health and physical performance effects. Nutrients, v.6, n.11, p.5224-5264, 2014.

3 – PINNA, M. et al. Effect of Beetroot Juice Supplementation on Aerobic Response during Swimming. Nutrients, v.6, p. 605-615, 2014.

4 – BRYAN, N.S. et al. Dietary nitrite restore NO homeostasis and is cardioprotective in NOS deficient mice. Free Radical Biology & Medicine, v.45, n. 4, p. 468 – 474, 2008.

5 – MORREL, C.N. et al. Regulation of platelet granule exocytosis by S-nitrosylation. Proceedings of the National Academy of Sciences of the United States of America, v.102, n.10, p.3782-3787, 2005.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ir para Cima